Maestro Chronograph: Música Maestro!

03/11/2015 Comentar

Grande elegância e classicismo num relógio de beleza intemporal, valorizado com a função cronográfica: o Maestro Chronograph personifica os valores intrínsecos que regeram a fundação da Raymond Weil e apresenta uma relação entre preço e qualidade extremamente apelativa.

 

A linha Maestro ganhou preponderância na coleção da Raymond Weil, porque representa valores associados diretamente à génese da marca – que nasceu e floresceu, nos anos 80, com modelos elegantes dotados de uma excelente relação entre preço e qualidade.

Por oposição às tendências modernas e vanguardistas que, nos últimos anos, lançaram para o mercado relógios que mais se assemelham a naves espaciais ou a elaborados gadgets, todos os exemplares que têm a chancela Maestro representam o essencial da tradição relojoeira com detalhes habituais na alta-relojoaria clássica: dimensões canónicas, mostrador prateado, com decoração em guilloché, ponteiros reminiscentes do estilo Breguet e algumas complicações mecânicas suplementares nos calibres automáticos.

A linha contempla uma versão cronográfica; outra com calendário duplo e fases da Lua; outra com fases da Lua / data analógica; e ainda o modelo básico de três ponteiros. Como não podia deixar de ser, o Maestro Chronograph recolhe favoritismo de um público que gosta de um toque ligeiramente mais desportivo dentro do classicismo global pretendido.

O Maestro Chronograph está disponível em duas versões de preço muito aproximado e de igual elegância: uma em aço revestido a ouro rosa (5N) através do tratamento em PVD que lhe dá uma auréola de opulência; a outra, em aço, para aqueles que preferem um visual ligeiramente mais discreto. A caixa, com 41,5 mm de diâmetro, é canónica para os padrões contemporâneos e representa o charme discreto de um relógio para a vida – não é grande, nem é pequena. A correia em pele está equipada com uma fivela condizente com a caixa. E o vidro de safira tem tratamento antirreflexos nos dois lados.

Descubra mais informações e imagens do Maestro Chronograph da Raymond Weil no site da Espiral do Tempo.

 

Tags :