TAG Heuer Carrera Cara Delevingne: efeito surpresa

30/05/2016 Comentar

O que podem ter em comum o TAG Heuer Cara Delevigne Special Edition e o Palacete Chafariz D’El Rei, em Alfama? À primeira vista, talvez nada; mas depois, parecem ter algo em comum. Se quisermos destacar um aspeto, falemos de reflexos. Se quisermos destacar outro: o efeito surpresa.

 

O Carrera Delevingne Special Edition da TAG Heuer foi lançado em 2015 no âmbito da parceria com Cara Delevingne, embaixadora da TAG Heuer. O relógio foi apresentado em quatro versões, todos com caixa de 41 mm em aço revestido a carboneto de titânio preto: duas versões com luneta cravejada de diamantes e braceletes pretas em aço ou pele capitoné, com fecho de báscula preto; e duas versões despojadas da preciosa luneta, mas com as mesmas opções de bracelete. As quatro versões apresentam o mesmo mostrador antracite como pano de fundo para os indexes facetados e plaqueados a ouro rosa e para os ponteiros centrais (das horas, minutos e segundos) também em tom ouro rosa, todos com apontamento luminescente.

Posto isto, quando pensámos em relógios para avançar com mais uma sessão fotográfica (já estivemos na Fundação Medeiros e Almeida com um Octa Divine da F.P. Journe, seguindo-se a Barbour International com um Franck Muller Vanguard Date), o TAG Heuer Carrera Cara Delevingne com luneta de diamantes (Ref. WAR101B.FC6367) foi uma das primeiras opções que surgiu em cima da mesa.

Do nosso ponto de vista,trata-se de uma edição especial pelo que o nosso desafio seria, assim, descobri-lo num lugar à altura. Um lugar que nos pudesse despertar o mesmo efeito surpresa que o relógio nos despertou. Optámos assim por visitar o Palacete Chafariz D’El Rei, em Alfama.

Leia, na Espiral do Tempo online, o texto completo e descubra as fotos que resultaram da nossa visita ao Palacete Chafariz D’El Rei com o TAG Heuer Carrera Cara Delevingne Special Edition.